domingo, 27 de julho de 2014

MAIS DE DUAS MIL PESSOAS ESCUTAM PROPOSTAS DE ARMANDO EM ARARIPINA

Crédito da foto: Alexandre Albuquerque/Divulgação
Mais de duas mil pessoas escutam propostas de Armando em Araripina
 

Araripina - O que era para ser uma inauguração de um comitê de campanha acabou se transformando numa grande festa no Centro de Araripina. Ao lado de Armando Monteiro (PTB), candidato a governador pela coligação Pernambuco Vai Mais Longe, do deputado estadual Raimundo Pimentel (PSB), do senador Humberto Costa (PT) e diversas lideranças políticas do Sertão do Araripe e do Pajeú, a candidata a deputada estadual Socorro Pimentel (PSL) abriu as portas de seu espaço político para receber a população. O ato atraiu mais de duas mil pessoas.

Na ocasião, Socorro Pimentel solicitou diversas providências para os municípios do Sertão do Araripe e do Pajeú. Entre os pleitos, está a construção de hospitais especializados na região, uma unidade do Instituto de Medicina Legal (IML), um campus da Universidade de Pernambuco (UPE), além de um olhar especial para as cadeias produtivas da localidade.

"Quando o senhor chegar ao governo, peço que cuide das pessoas do Araripe e do Pajeú. Um governador só é bom o suficiente quando não apenas constrói obras de cimento e tijolo, mas quando cuida de pessoas de carne e osso. É a esse governador que quero estar junto na Assembleia Legislativa", afirmou a candidata a deputada estadual. Ela também apoiará Joao Paulo para o senado e a reeleição da presidente Dilma Rousseff.

Socorro Pimentel lembrou que, em 2012, Armando Monteiro levou o PTB para o seu palanque, quando disputou a eleição para a Prefeitura de Araripina. "Aquele apoio foi uma semente. Agora, vocês não sabem a felicidade de poder estar apoiando Armando", bradou.

Em sua fala, o deputado estadual Raimundo Pimentel frisou que Armando acompanhou de perto as circunstâncias que o levaram a desistir de disputar a reeleição. "Tenho comigo que para alguns é um grande defeito. Para outros, uma grande virtude, que é não me curvar aos poderosos. De não baixar a minha cabeça aos ditadores de plantão. Eu comecei a cair em desgraça nesse conjunto de forças que apoiamos lá atrás e, infelizmente, desviou o caminhou e abandonou esse projeto que mudou o Brasil e Pernambuco", cravou o socialista.

Com um olhar propositivo, Armando Monteiro afirmou que sua candidatura oferece o compromisso de interiorizar o desenvolvimento social e econômico para todas as regiões de Pernambuco. "O Estado tem que ter a força para inverter essa tendência que tem se traduzido no descompasso inaceitável", ponderou. "Tenho certeza que vamos caminhar juntos para construir um futuro que será melhor para Pernambuco", acrescentou.

Mais apoios - Na passagem por Araripina, Armando também recebeu um importante apoio ao Palácio do Campo das Princesas. Trata-se do médico Aluízio Coelho, do PMDB, que pretendia se candidatar a deputado estadual mas teve a legenda negada pela Frente Popular.  O peemedebista, que reside em Araripina há cinco anos, declarou voto fechado em Armando para o governo, João Paulo (PT) para o senado e na reeleição da presidente Dilma (PT). Ele aproveitou o ato para também anunciar que votará em Silvio Costa Filho (PTB) para deputado estadual e em Adalberto Cavalcanti (PTB) para deputado federal.

Ao defender o voto em Armando, a liderança política do Araripe destacou as qualidades do candidato ao governo pela Coligação Pernambuco Vai Mais Longe: "As referências que tenho do senhor são as melhores possíveis. Um homem honrado, que não tem um arranhão na vida pública. Uma pessoa de compromisso e que sem dúvida vai olhar para a região do Araripe, que é totalmente esquecida pelo atual governo", cravou Aluízio. O peemedebista aproveitou a passagem do candidato a governador para solicitar a implantação de um campus da Universidade de Pernambuco (UPE) na região do Araripe

0 comentários:

Postar um comentário

LEIA AGORA NO VICENCIANET.
Todo mundo gosta. Todo o mundo acessa.