quinta-feira, 21 de novembro de 2013

LEIA ENTREVISTA COM O DEPUTADO JOSÉ HUMBERTO

José Humberto Cavalcanti é deputado estadual pelo PTB PE, eleito em 2011 com mais de 32 mil votos. Eleito deputado estadual pelo PMDB em 1986, compôs a Frente Popular sendo o sexto mais votado de Pernambuco. Foi o primeiro presidente da Comissão de Ciência, Tecnologia e Informática e vice-presidente da Comissão de Finanças, Orçamento e Economia, além de ter participado da CPI que investigou as irregularidades na CELPE.
Atuou na elaboração da Constituição do Estado enquanto membro da Comissão de Sistematização e teve destaque na emenda que possibilitou uma redistribuição mais justa da Cota (parte do ICMS que cabe aos municípios). Presidiu a Comissão de Constituição, Legislação e Justiça e, com o término do mandato, se tornou Assistente Parlamentar na Assembleia Legislativa de Pernambuco (ALEPE). Assessorou e coordenou as campanhas do então deputado federal, Armando Monteiro, nos anos de 2002 e 2006. Ainda nesse período, foi nomeado Secretário Geral do PTB, cargo que possui até hoje.Em 2007, indicado pelo PTB para a composição da equipe do prefeito do Recife, assumiu a Secretaria de Habitação (SEHAB) e, no ano de 2008, foi diretor do Progre Desenvolvimento do Turismo (PRODETUR). Em 2008, José Humberto assumiu a Secretaria de Serviços Públicos da Prefeitura do Recife. Em janeiro de 2011 assumiu a presidência do DETRAN-PE e em março como Deputado Estadual.

- Entrevista -
"Trouxemos para o partido pessoas que tem história política, sensibilidade social e serviço prestado às suas comunidades"
José Humberto Cavalcanti - O PTB de Pernambuco saiu ainda mais fortalecido do recente processo de filiações partidárias, o que nos permitirá formar chapas para a Assembleia Legislativa do Estado e também para a Câmara Federal. Trouxemos para o partido pessoas que tem história política, sensibilidade social e serviço prestado às suas comunidades. Reunimos lideranças de todas as regiões de Pernambuco: Recife, toda Zona da Mata, Sertão e Agreste. Dentre algumas filiações, tivemos a do prefeito de Limoeiro, Ricardo Teobaldo; do ex-deputado estadual e ex-conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, Romário Dias; o ex-vereador do Recife, Josenildo Sinésio; o ex-prefeito de Belo Jardim, Cecílio Galvão; o ex-prefeito de Canhotinho, Álvaro Porto e do ex-prefeito de Garanhuns, Silvino Duarte. São estes e tantos outros nomes que se integram agora ao PTB que, ao lado do senador Armando Monteiro, líder maior do partido, vão nos ajudar a construir uma agenda de futuro para Pernambuco.
"Pernambuco vive um momento novo"
José Humberto Cavalcanti - Nos últimos anos, a parceria dos partidos que compõem esta grande Frente Popular liderada pelo governador Eduardo Campos, com o governo da presidente Dilma Roussef e do ex-presidente Lula, alçaram o Estado à uma posição de destaque no cenário político e econômico do país. Esta parceria política foi responsável por grandes avanços e conquistas. Com a sinalização, cada vez maior, de uma candidatura presidencial do governador Eduardo Campos, a Frente Popular caminhou para uma divisão: de um lado alguns partidos apoiaram o projeto de Eduardo e do outro as legendas se colocaram a favor do projeto iniciado por Lula, que se expressa na candidatura à reeleição da presidente Dilma. Mesmo considerando legítima a postulação de Eduardo, o PTB já se colocou ao lado da reeleição de Dilma, por ter a compreensão do quanto essa parceria foi e continuará sendo benéfica para Pernambuco.

"A sociedade pernambucana é plural e precisa expressar isto por meio da sua representação política"
José Humberto Cavalcanti - O senador Armando Monteiro tem feito, com muita propriedade, o equilíbrio das forças políticas em Pernambuco. Hoje, o desafio do PTB é fazer do partido uma força independente para que Pernambuco continue em frente. A sociedade pernambucana é plural e precisa expressar isto por meio de sua representação política. O PTB quer, ao lado de outros partidos, outras forças, estabelecer esse debate em Pernambuco. Vamos estimular o diálogo e construir alianças para que o ambiente político de Pernambuco seja, sobretudo, um ambiente plural.

"Temos lutado para garantir a interiorização do desenvolvimento"
José Humberto Cavalcanti - Precisamos avançar na qualidade da educação, fazer mais investimentos em saúde e segurança pública. Além disso, não resta dúvida de que uma importante bandeira nossa é o desenvolvimento espacialmente equilibrado, para que não continuemos a ter uma economia muito concentrada na RMR e em Suape. Temos lutado para garantir a interiorização do desenvolvimento e, para isso, precisamos de mais qualificação profissional, com oferta de cursos técnicos em todas as regiões, do fortalecimento das micro e pequenas empresas, visto que são as pequenas empresas que garantem, verdadeiramente, a força da economia pernambucana. Precisamos, também, estimular a implantação de novas indústrias em Pernambuco e, por isso, é fundamental investirmos, de maneira pesada, na infraestrutura, sobretudo, nas estradas, no abastecimento de água e oferta de energia elétrica.

"Armando é hoje uma liderança preparada para o novo momento de Pernambuco"
José Humberto Cavalcanti - O desafio maior é garantir que nós tenhamos lideranças políticas verdadeiramente comprometidas com a consolidação e perenização desse crescimento econômico que estamos vivendo. Queremos participar desse debate, colocando toda a experiência acumulada e a capacidade de realização do nosso líder, o senador Armando Monteiro, que está à disposição dos pernambucanos. Armando é hoje uma liderança preparada para esse novo momento no tempo da política de Pernambuco que se abre com o fim das duas administrações do governador Eduardo Campos.

"Crescer de maneira sustentável e mais equilibrada"
José Humberto Cavalcanti - A maior dificuldade, em termos, seria assegurar que Pernambuco continue crescendo de maneira sustentável e mais equilibrada do ponto de vista espacial. O pernambucano do agreste tem uma renda per capita de um terço do trabalhador da região pernambucana.
"Esforço para corrigir os desquilibros e perenizar o crescimento com a participação de todos"
José Humberto Cavalcanti -Em primeiro lugar, detectando as demandas e as necessidades das diversas microrregiões e, a partir daí, conscientizar o conjunto das forças políticas, que se engajarem conosco, a fazer um esforço na direção de corrigir os desequilíbrios e perenizar o crescimento com a participação de todos. Um esforço de todos os poderes, o legislativo, o qual eu faço parte, o executivo, que será eleito a partir do próximo ano, e também sensibilizar o poder judiciário, já que nós sabemos que muitas coisas, às vezes, tem um entrave quando chega a determinadas situações em algum dos poderes.


Mariana Silveira - Jornalista

0 comentários:

Postar um comentário

LEIA AGORA NO VICENCIANET.
Todo mundo gosta. Todo o mundo acessa.